Cobrança Bancária - Sistema Próprio | Sicoob Credicampo - Cooperativa de Crédito

Cobrança Bancária - Sistema Próprio

Homologação de sistema próprio de cobrança

Boleto Sicoob

O Sicoob possibilita a utilização de sistema próprio de cobrança bancária ao associado, pessoa física ou jurídica, para o gerenciamento de sua carteira através de transferência de arquivos.

Atualmente, o Sicoob trabalha apenas com arquivos CNAB 240 - FEBRABAN, o suporte ao CNAB 400 foi descontinuado.

Para utilizar o sistema próprio, porém, é necessário homologá-lo, ou seja, adequá-lo aos padrões estipulados pelo Sicoob e validar se tudo está sendo gerado corretamente.

Arquivos necessários:

Sugerimos, para salvar os arquivos, utilizar a opção "Salvar destino" ou "Salvar link". Caso o acesso seja de um computador, a opção pode ser vista ao clicar com o botão direito do mouse sobre o link, para dispositivos móveis deve-se pressionar e manter por alguns instantes sobre o link, até que sejam exibidas as opções.

Instruções para homologar seu sistema próprio:

  1. Solicite junto a sua agência de relacionamento seu código de cliente e o cadastramento como Beneficiário (Cedente), caso ainda não o possua;​
  2. Baixe os arquivos necessários, listados acima;
  3. Certifique se seu sistema já emite boletos e arquivos de remessa, bem como está preparado para o processamento de arquivos de retorno, segundo as informações presentes nos arquivos baixados no passo anterior, baseando-se principalmente no arquivo "Layouts Para Troca de Informações". Atenção: o auxílio do fornecedor/desenvolvedor de seu sistema provavelmente será necessário nesta etapa;
  4. Caso seu sistema já esteja apto para trabalhar com a Cobrança Bancária do Sicoob, desconsidere o passo seguinte. Caso contrário, seu sistema ainda não está totalmente preparado para a Cobrança Bancária do Sicoob, será necessário adequá-lo;
  5. Adéque, ou solicite ao desenvolvedor do sistema, a adequação do sistema próprio. Vale ressaltar que as informações necessárias para adequação encontram-se no arquivo "Layouts Para Troca de Informações";
  6. Acesse o validador CNAB do Sicoob, pelo seguinte link: http://www.sicoob.com.br/validador-cnab240-cobranca. Mantenha selecionada a opção “Beneficiário” e preencha os campos com os dados solicitados, lembrando que o número da cooperativa é 3116. Selecione o arquivo remessa desejado, insira a “verificação de texto” conforme apresentada na imagem acima do campo e defina o relatório de detalhamento de registros. Ao clicar no botão “enviar” ocorrerá o processamento e o relatório será disponibilizado em formato PDF;
  7. Repita o processo de envio do arquivo remessa e correção das inconsistências até que o arquivo seja transmitido e processado com sucesso, sem inconsistências;
  8. Ao enviar e ser processada com sucesso uma remessa, encaminhe um e-mail para cobrancabancaria@sicoobcredicampo.com.br com 03 (três) boletos em formato PDF anexados, com o assunto: Homologação. Não deixe de informar neste mesmo e-mail os seguintes dados: CPF/CNPJ do beneficiário (Cedente), nome completo ou razão social, data de envio da remessa processada com sucesso, nome, e-mail e telefone do desenvolvedor;
  9. Ao receber o e-mail, o Sicoob Credicampo fará as validações necessárias nos boletos recebidos como anexo, além de verificações adicionais na remessa processada;
  10. Caso alguma inconsistência seja identificada, retornaremos via e-mail, com as informações necessárias para correção;
  11. Quando todas as inconsistências estiverem corrigidas será finalizado o processo de homologação, autorizando o uso do sistema próprio para emitir boletos de cobrança no Sicoob. Importante: a confirmação da homologação também será informada por e-mail.

Informações Adicionais:

Considere os seguintes dados para preenchimento da planilha "Contracapa" do arquivo "Layouts Para Troca de Informações":

  • Banco: 756;
  • Agência: 3116;
  • Carteira/Modalidade: 1/01 - Simples com Registro;
  • Emissão/Distribuição: Beneficiário/Beneficiário.

Utilizando o sistema próprio:

Estando devidamente homologado, será obrigatória a transferência de arquivos (remessa/retorno).

A fim de informar o Sicoob sobre as requisições como registro de título (boleto), pedido de baixa, prorrogação de vencimento, entre outros, será utilizado o arquivo remessa. Deixar de enviar os arquivos remessa acarretará em diversos problemas como a falta de registro do título que impossibilita seu pagamento em qualquer instituição financeira ou correspondente bancário, a não efetivação de pedido de baixa, entre outros.

Para atualizar o sistema próprio com informações de entrada confirmada do título, liquidação, entre outros, o processo ocorrerá via arquivo de retorno.

Informações sobre a transferência de arquivos remessa e retorno podem ser obtidas no arquivo "Guia Sicoobnet Empresarial - Transferência de Arquivos" e detalhes do fluxo de arquivos podem ser observados no arquivo "Fluxo da Transferência de Arquivos", ambos disponíveis para download nesta página.

É importante salientar que o beneficiário assume total responsabilidade pelas eventuais consequências de emissão de boletos sem a homologação de seu sistema próprio pelo Sicoob.

Caso tenha dúvidas ou necessite de mais informações, procure sua agência de relacionamento.


Boleto Sicoob